07/11/2017

Valbom S. Martinho: Os sabores da tradição minhota em destaque no Festival da Sardinha na Broa!


Em dia do Padroeiro da freguesia, 11 de novembro (pelas 16h30), um aroma inebriante toma conta do largo da igreja paroquial de Valbom S. Martinho. As broas a cozer no forno de lenha, a sardinha a assar na brasa, as castanhas a estalar na fogueira e o vinho novo a jorrar da pipa. Tudo partilhado generosamente de forma totalmente gratuita com as dezenas de pessoas que decidam participar nesta celebração da cultura popular do Minho. Às fragrâncias da gastronomia local juntam-se os sons das brincadeiras das crianças e das gargalhadas dos adultos, as longas conversas e o convívio generalizado. Para animar a ocasião não faltarão também as divertidas desgarradas ao som da música popular do Minho. Estão reunidos todos os ingredientes para que o Festival da Sardinha na Broa volte a afirmar-se como uma receita de sucesso.

A iniciativa é organizada pela Junta da União de Freguesias de Valbom S. Martinho, Valbom S. Pedro e Paçô, que encontrou no evento uma forma de estreitar laços de união na comunidade e promover momentos de convívio e diversão. As palavras são do presidente da Junta, Joaquim Martins, que avançou também que o Festival da Sardinha na Broa se afigura como uma excelente forma de promover e divulgar as tradições locais. “Para os mais velhos é uma forma de recordar e reviver as tradições. Para os mais novos, é um momento de diversão e aprendizagem, em que ficam a conhecer as práticas e atividades tradicionais”, sublinhou.

Joaquim Martins afirmou ainda que o Festival da Sardinha na Broa se afigura como um momento de excelência para promover as potencialidades da freguesia, atrair visitantes e divulgar a beleza natural que reveste aquela zona do concelho de Vila Verde. A iniciativa insere-se na programação turístico cultural Na Rota das Colheitas, do Município de Vila Verde, que de agosto a novembro se desdobra em 35 iniciativas de divulgação e promoção da genuína tradição minhota.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Na Rota das Colheitas 2016. Obrigada pelo seu comentário.

Na Rota das Colheitas 2017