28/11/2017

A beleza natural do Minho verdejante em destaque no Trilho do Vade e na Caminhada Ambiental ‘Margens do Rio Homem’!



Em pleno Fim de Semana Gastronómico ‘Vila Verde Capital do Pica no Chão’, 24 a 26 de novembro, a beleza natural das paisagens do Minho verdejante deu o mote para duas atividades de natureza, o Trilho da Nóbrega e a Caminhada Ambiental ‘Margens do Rio Homem’, que contaram com um total de quase duzentos participantes. Entre levadas e encostas, moinhos de água e cascatas, zonas rochosas ou de vegetação densa, os aventureiros embarcaram numa viagem à descoberta de recantos paradisíacos esquecidos pela perfídia humana, onde a natureza bilha resplandecente no seu estado mais puro.

No passado sábado, 25 de novembro, três dezenas de pessoas participaram na Caminhada Ambiental ‘Margens do Rio Homem – Entre Terras de Bouro e Vila Verde’. Uma jornada à descoberta da beleza natural das margens do Homem com paragem em diversos pontos de interesse (moinhos, açudes, pontes e praias fluviais, entre outros) e vários momentos de observação da flora autóctone e a avifauna local. Durante o percurso, de 10 Kms, os participantes procederam também à recolha de lixo das margens.

No domingo, tempo para conhecer as encostas das terras altas do Vade e da Nóbrega. O trilho do Vade estendeu-se por um encantador percurso circular de 14Kms, que começou e terminou em Aboim da Nóbrega e pelo caminho levou quase 150 amantes da natureza a (re)descobrirem a imensa do património natural e edificado da região. Além de desfrutarem das magníficas paisagens, os participantes puderam também conhecer diversos pontos de interesse turístico e cultural, como os Moinhos, a Igreja Matriz, a Fonte do Dente de Santo, a Casa da Pequenina, os espigueiros e as cascatas. A iniciativa resulta de uma organização conjunta do Parque de Campismo de Aboim a Nóbrega e da ATAHCA.


Durante o Fim de Semana Gastronómico ‘Vila Verde Capital do Pica no Chão’, nota de destaque ainda para as promoções no alojamento, para a VI Mostra Doces e Sabores da Nossa Terra e a palestra sobre a biodiversidade. O Museu do Linho, o Museu de Arte Sacra das Terras de Regalados, o Museu do Brinquedo e da Brincadeira e o Espaço Namorar Portugal estiveram de portas abertas para receber os visitantes, que puderam ainda aproveitar para conhecer as encantadoras paisagens naturais e a riqueza do património edificado do concelho. A iniciativa insere-se programação turístico cultural Na Rota das Colheitas, do Município de Vila Verde, que de agosto a novembro se desdobrou em 356 iniciativas de promoção e divulgação da genuína tradição do Minho.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Na Rota das Colheitas 2016. Obrigada pelo seu comentário.

Na Rota das Colheitas 2017